Quinta-feira, 27 de Março de 2008

Será que o seu computador é o mais barato?

Enquanto o TopTen, uma ferramenta da Quercus que orienta o consumidor na escolha dos electrodomésticos que consomem menos electricidade, não inclui computadores, conheça algumas dicas para poupar energia na escolha da sua máquina. Para começar, é provável que um Apple consuma menos que um PC tradicional. Além disso, os processadores mais recentes tendem a gastar menos, embora o aumento da velocidade possa implicar um incremento no consumo eléctrico. Obviamente um uso mais intensivo da máquina –  cálculos intensivos, gravação de discos, etc. – exige mais que simples tarefas de processamento de texto ou de leitura de correio electrónico. A navegação na internet e a utilização de periférios (discos externos, impressoras, webcam) também somam alguns watts-hora ao consumo.
Se o gasto de energia é a única preocupação, então deve escolher um portátil, já que consome menos de um terço do que gasta um computador de secretária, excepto quando está ligado à corrente a carregar a bateria. E não se esqueça de contabilizar o monitor: um de cristais líquidos (LCD) consome menos de metade do que um antigo de tubos de raios catódicos (CRT).
Em baixo encontra uma calculadora simples para aferir quanto é que gasta por ano com o seu computador. Se quiser um simulador mais pormenorizado, pode visitar a calculadora da Journey Systems. David Almas

Quanto custa ter computador? Este simulador assume que ainda não aderiu ao mercado eléctrico liberalizado e baseia-se nos consumos médios de computadores calculados pela Universidade da Pensilvânia.
 

Pesquisa Carteira

Arquivos

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

tags

todas as tags