Quarta-feira, 13 de Fevereiro de 2008

Quer petiscar sem arriscar?

MontepioO Um Nome QQ perguntou e a Carteira diz qual é a sua opinião sobre o Montepio Rendimento Top.  Ao remunerar os seus subscritores através de uma taxa indexada à Euribor a 6 meses, mais um prémio de 1 por cento até ao 5º. ano e 1,5 por cento do 6º. ao 10º. ano, o produto do Montepio revela-se numa alternativa mais rentável que a maioria dos depósitos a prazo. É que, salvo campanhas promocionais, os bancos a operar em Portugal não oferecem depósitos a prazo com taxas de juro superiores à Euribor. Mas atenção!: É bom não esquecer que o Montepio Rendimento Top é um instrumento de aforro estruturado e, por isso, durante 10 anos, os seus subscritores não poderão resgatar o seu dinheiro, a não ser que o Montepio queira desligar o produto no final do 5º. ano. Para a maioria dos investidores, ficar com o dinheiro inalcançável durante tanto tempo não é uma opção viável. O petisco é bom, mas há risco: o de precisar do dinheiro e não poder usá-lo. Com certeza que o Montepio lhe empresta capital, se realmente precisar. Só que a taxa que provavelmente pagará será bastante mais elevada que a do Montepio Rendimento Top. Um crédito individual de 5000 euros durante 36 meses tem uma taxa superior a 11 por cento, mesmo que tenha conta-ordenado, cartão de crédito, débitos directos e crédito à habitação e seja associado do Montepio.
No entanto, para todos aqueles que viraram excêntricos do Euromilhões ou acabaram de receber uma herança avultada ou, até, para quem pretende receber uma renda fixa semestral, o Montepio Rendimento Top poderá ser uma alternativa rentável e sem risco durante uma década. Por exemplo, através da aplicação de 1 milhão de euros, os seus subscritores conseguem receber de 6 em 6 meses 21 248 euros (considerando a Euribor actual). Mas se não tem uma conta bancária milionária e está no início ou a meio da sua vida activa, o melhor é considerar outras alternativas. A começar pelas acções, que, no longo prazo, são os activos que mais rendem. Luís Leitão
1 comentário:
De abadia7 a 23 de Fevereiro de 2008 às 19:41
oi...
Parece-me um bom depósito!
Mas dez anos é uma eternidade!
Se nos acontece algo, não podemos mexer no dinheiro!
Mal feito...e o banco pode fazer o que lhe apetecer, certo?
Se calhar prefiro colocar o dinheirito noutro banco, durante menos anos e ganhar um poucoi menos mas poder levantá-lo quando quiser.
bj
abadia7

Comentar post

Pesquisa Carteira

Arquivos

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

tags

todas as tags